Sucesso a longo prazo no Poker Online com estratégias vencedoras – inscreve-te já grátis!

As melhores estratégias Com a estratégia correta, o poker torna-se numa brincadeira. Os nossos autores mostram passo a passo como funciona.

As cabeças mais espertas Aprende em conjunto com os mais bem sucedidos jogadores de poker nos treinos ao vivo e no fórum.

Dinheiro de Poker Grátis A PokerStrategy.com é completamente gratuita. Para além disso espera-te dinheiro de poker grátis.

Já és membro da PokerStrategy.com? Faz o login aqui

EstratégiaFixed Limit

Roubo de Blinds - Como se ajustar aos oponentes

Introdução

Neste artigo
  • Como ajustar o seu range de open raise no BU
  • Como ajustar o seu range de open raise SB
  • Quando você pode dar open limp

Os blinds são a razão pela qual tem ação no Hold´em. Sem os blinds todos os jogadores poderiam esperar por AA e não haveria jogo. Os blinds são a unica motivação para colocar dinheiro no pote pré-flop - os blinds são o objetivo primário para se dar um open raise.
 
Inicialmente, todos os open raises são um ataque no dinheiro que já está no pote por conta dos blinds. É por isso que a definição de um open raise do cut-off ou do button é chamado de roubo de blinds.

Você pode ver na (ORC) que o range de mãos para open raise aumenta dramaticamente do CO para o SB. Enquanto você só dá raise com 25% das suas mãos iniciais no CO, você dá raise com 38% no BU e até mesmo 60% do SB.
 
O princípio fundamental é que você tem valor esperado positivo contra todas as mãos atrás de você se você considerá-las aleatórias. Esse EV depende da sua equidade contra das mãos atrás de você, da sua posição e da jogabilidade da sua mão. A combinação desses fatores determina se a sua mão pode ser jogada com equidade positiva até o showdown. A princípio, uma mão listada na ORC sempre tem essa vantagem de equidade contra as mãos atrás de você.

No entanto, nem todas as mãos na ORC tem uma vantagem de equidade contra uma mão aleatória. Começando no BU e especialmente no SB, existem mãos na ORC que não tem mais essa vantagem de equidade contra uma mão aleatória. Por exemplo, o T4s listadas sob o SB na tabela. Se você der uma olhada na vantagem dela contra uma mão aleatória no equilator, essa é a situação que você tem:

Equidade Vitória Empate Derrota 
Jogador 1: 46.530% 44.204% 4.653% 51.143% T4s
Jogador 2: 53.470% 51.143% 4.653% 44.204% Aleatória
 
T4s só tem 46.5% de equidade contra uma mão aleatória. Porque você dá raise fora de posição com uma mão que não é favorita contra um range aleatório, arriscando levar uma 3bet? A razão é que você já investiu o small blind, que caso contrário você desistiria sem lutar. Adicionalmente, o oponente poderia foldar o big blind dele antes do flop e você ganharia o pote incontestado. Logo, a fold equity gerada por um raise justifica o raise com uma mão sem vantagem de equidade. Mesmo se o EV for ligeiramente negativo em média, um open raise pode fazer sentido se o EV for mais alto do que o EV do fold.

Neste artigo, nós queremos nos preocupar primariamente com 4 questões sobre open raises:

  • Como você ajusta o seu range de open raise se você não tem fold equity dos blinds?
  • Como você ajusta o seu range de open raise se você tem um jogador muito agressivo no SB atrás de você?
  • Como você ajusta o seu range de open raise se você tem fold equity acima da média dos blinds?
  • Sob quais circunstâncias você pode dar limp do SB?
 

Não estás a ver o artigo na totalidade...

Com a inscrição gratuita na PokerStrategy.com, receberás dinheiro de poker grátis para jogar poker e deste modo poder aceder a centenas de artigos de estratégia tais como estes - e claro vídeos de poker, sessões de treino ao vivo e fóruns de estratégia. Inscreve-te já gratuitamente e começa a jogar para poderes beneficiar das nossa ofertas.

Inscreve-te agora

Comentários (2)

#1 Chopps, 10.10.09 16:10

Só acho que quem é ouro ja tem isso em mente, pela base adquirida nos niveis menores.

#2 pporsche, 23.01.11 07:30

#<br /> Obrigado pelo feedback.<br /> Usa também o fórum para colocar questões.<br /> <br /> Abraço,<br /> Paulo "pporsche" Moreira